terça-feira, 18 de novembro de 2008

Sugestões

Tenho andado afastada sobretudo por que não cumpro com a leitura do mês desde As Mulheres do Meu Pai, do Agualusa. Por cá, a crise também tem feito estragos, por isso vejo-me obrigada a voltar-me para os livros que tenho em casa ou me chegam às mãos.



Recomendo, vivamente, O Outro Pé Da Sereia, do Mia Couto.





Viagens diversas cruzam-se neste romance: a de D. Gonçalo da Silveira, a de Mwadia Malunga e a de um casal de afro-americanos. O missionário português persegue o inatingível sonho de um continente convertido, a jovem Mwadia cumpre o impossível regresso à infância e os afro-americanos seguem a miragem do reencontro com um lugar encantado. Outras personagens atravessam séculos e distâncias: o escravo Nimi, à procura das areias brancas da sua roubada origem. A própria estátua de Nossa Senhora, viajando de Goa para África, transita da religião dos céus para o sagrado das águas. E toda uma aldeia chamada Vila Longe atravessa os territórios do sonho, para além das fronteiras da geografia e da vida.As diferentes viagens entrecruzam-se numa narrativa mágica, por via de uma mesma escrita densa e leve, misterios e poética de um dos mais consagrados escritores da língua portuguesa. Aqui.



Neste momento, estou a ler o Sputnik, Meu Amor, de Haruki Murakami. Estou a gostar bastante. A escrita é leve e fluída e os personagens complexos. Recomenda-se.



Para os mini-leitores...

João e o Pé de Feijão. Faz parte da colecção Histórias de Encantar, da marca 1.2.3. Aprender é Divertido, do Pingo Doce, e foi uma alegre surpresa, admito. As ilustrações estão bem giras e a história, apesar de longa, torna-se ligeira com as quadras que a entremeiam. Um livro óptimo para miúdos que, como o meu, têm dificuldades em concentrar-se nas histórias grandes.

4 comentários:

flores disse...

Aleluia. Alguém. :)

Nunca li nada do Murakami. Ainda não senti gde curiosidade.

Com a idade do teu o meu mais velho não tinha paciência nem para histórias pequenas, qto mais para gdes. :)

Cristina disse...

Li um do Murakami e gostei. Um bocado surreal...
Tenho que me dedicar ao Mia Couto. Ainda não li nada dele...

Cristina

Loira disse...

Flores: Então, experimenta. Vais ver que não vais conseguir parar. Sabes aqueles livros q te apetece ler de supetão? Pois este é assim.

Aléluia. Por vezes parece que tenho um filho alien e que já nasceram todos a gostar de histórias complexas e tal menos o meu...

Loira disse...

Cristina: este tb começa a meter um pouco de surreal... verei mais à frente. Investe no Mia. Não te vais arrepender. MUITO BOM.