quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

30 anos antes

Este foi o primeiro livro de José Saramago, publicado 30 anos antes do segundo. O jovem José Saramago, com 24 anos, viu publicado o seu primeiro romance com a condição imposta pelo editor de mudar o título original, "A viúva", para "Terra do Pecado" por "vender mais".
Interessante, pela tenra idade do futuro prémio Nobel e pela distância que separa esta obra do segundo livro que editou, mas literariamente falando não é propriamente uma grande obra. Dir-se-ia escrito por outra pessoa, não encontrei nada que me fizesse sequer suspeitar do que veio depois. Fez-me lembrar os livros do Camilo Castelo Branco pela sofrida e torturada personagem principal e pela velha moral à portuguesa que caracteriza o enredo.

Foi este o meu livro do mês de Novembro e resultou de uma escolha entre os livros deste autor que tenho e ainda não li. O novo ainda não comprei porque creio que o Pai Natal mo vai oferecer. Já em Dezembro comecei a ler "O Jogo do Anjo" e, tal como aconteceu com "A sombra do vento", estou a adorar.




6 comentários:

Cristina disse...

Eu, pela 1ª vez, não li o livro do mês... Ando mesmo de todo! Ainda por cima, nunca li nada do senhor... Nem o filme vi. Ai, ai!

:)

Cristina

PS - Ando curiosa para ler o do Zafon... e para saber a tua opinião.

Tânia disse...

A minha escolha foi o "Ensaio sobre a Cegueira". Desde a Caverna, que me desiludiu profundamente, por achar demasiado previsível, que tinha posto sabática de Saramago. O filme deu-me vontade de o ver, mas tenho a mania de não querer ver um filme antes de ler o livro, pois que vendo o filme, fico com a imaginação condicionada. Comecei a lê-lo já bem depois do meio do mês e pensei que já só em finais de Dezembro o terminaria. Afinal não. Li-o avidamente. A falta crónica de tempo com que ando não o impediu,aproveitei todos os segundos. Simplesmente fabuloso.

flores disse...

Confesso q já pus o elefante de parte. Saramago ñ é, definitivamente, a minha praia.

Susie disse...

Isto anda um bocadinho parado, deve ser as compras de Natal!
Presumo que não vamos escolher livro para Dezembro, mas depois do Natal podemos fazer aqui um resumo dos livros que o Pai Natal nos trouxer e escolher um para 1ª leitura colectiva de 2009.
Que vos parece?

Tânia disse...

Eu concordo. Confesso que até fins de Janeiro estou um bocado atrapalhada com leituras técnicas e, a não ser que escolham algum manual de direito fiscal para livro do mês (:P), só deverei acompanhar-vos a partir de Fevereiro.

Luz de Estrelas disse...

Não foi esse que alguns descreveram como a soma de vários outros livros lidos? Assim, tipo plágio mas sem ser, realmente, plágio?